2016 um ano negro. Em três meses três matadores morrem na sequência de colhidas

O ano de 2016 está até ao momento a ser trágico em termos de colhidas fatais na Tauromaquia mundia.

Em três meses três toureiros foram colhidos mortalmente.

A 1 de maio, o matador de touros El Pana foi aparatosamente colhido em Ciudad Lerdo (México), tendo sofrido várias lesões, sendo a mais grave a fratura da segunda vértebra. El Pana viria a falecer a 2 de junho.

Também em maio, no dia 17, o novilheiro Renatto Motta foi igualmente colhido mortalmente na Praça de Touros de Poblado de Malco (Perú), tendo sido atingido na artéria femoral, falecendo a caminho do hospital.

Por sua vez, neste sábado (10 de julho) a tragédia aconteceu em Teruel com o matador de touros Victor Barrio a ser atingindo no coração por um touro de Los Manos. Victor foi transportado para a enfermaria da praça, onde acabaria por falecer.

Para ver

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*