Aos 38 anos, jogador do Betis de Sevilha diz que depois da refor

Joaquín, jogador de futebol, que aos 38 anos ainda joga no Bétis (tem contrato por mais um ano), deu entrevista ao jornal AS os planos que tem para o final da carreira como futebolista.

“Quando terminar a carreira vou ser toureiro. Quero agarrar-me a esse sonho que tive desde pequeno. Sempre tive respeito para com esta profissão e tudo o que move esta paixão tão bonita. Quero fazer algo bonito e que possa beneficiar toda as pessoas do mundo do toureio. Quando era mais novo a minha mãe recomendou-me escolher o futebol porque se sofre muito e, dizia ela, não tem piada nenhuma.”

Joaquín, recorde-se, fez grande parte da carreira ao emblema de Sevilha, zona espanhola com forte tradição taurina. Foi internacional espanhol em várias ocasiões.