Campo Pequeno: Casa cheia em noite de aniversário da reinauguração

A Praça de Touros do Campo Pequeno recebeu esta quinta-feira, 17 de Maio, a Corrida Vidas, que teve António Ribeiro Telles, Pablo Hermoso de Mendoza e João Moura Caetano frente a touros da ganadaria David Ribeiro Telles. Pegaram os forcados amadores de Lisboa e Coruche.

A Praça de Touros do Campo Pequeno encheu esta quinta-feira (17 de Maio) para a corrida do aniversário da sua reinauguração. Um espectáculo que resultou entretido e rápido.

Lidaram-se touros de David Ribeiro Telles que saíram á arena com trapio, mas feios de cara e desiguais no comportamento, tendo-se destacado os três primeiros.

Abriu praça António Telles, que sem dúvida atravessa um bom momento. No primeiro touro, António esteve bem nos compridos, para nos curtos a lide ir de mais a menos, não lhe tendo sido concedida volta. No seu segundo touro, esteve um pouco mais reservado, Telles teve de lhe pisar os terrenos para realizar uma boa lide, sendo mais regular no seu todo.

Pablo Hermoso de Mendoza veio a Lisboa mostrar que contínua no topo, a sua primeira lide fez levantar o público dos seus lugares, aproveitando da melhor forma o touro que teve pela frente. Ligeiras batidas ao piton contrário e sortes cingidas levaram a que se vissem bons ferros do rejoneador, que também andou muito bem na brega. O seu segundo touro foi mais insonso em termos de comportamento e Pablo teve de porfiar mais para realizar a lide que desejava.

João Moura Caetano também esteve em bom plano nesta noite. Esteve muito bem na sua primeira lide. Começou por receber bem o touro com dois compridos de praça a praça e assim continuou nos curtos, sempre de largo a aproveitar a investida pronta do touro. Uma lide que não mereceu volta, decisão do Diretor de Corrida que não compreendemos. Tal como os seus colegas de cartel, a segunda lide foi mais morna, pois o touro foi mais complicado, mas ainda assim Caetano esteve por cima.

Esta noite as pegas estiveram a cargo dos Amadores de Lisboa e Coruche, que no geral tiveram uma boa noite de pegas, à excepção da ultima que correu menos bem.

Pelos de Lisboa pegaram Martim Lopes, à primeira, Duarte Mira, à primeira e João Varanda, à segunda. Já pelos Amadores de Coruche pegaram Miguel Ribeiro Lopes, à primeira, João Ferreira, à primeira e Miguel Raposo, que na sua primeira tentativa foi dobrado por António Tomás, que consumou à sua sexta tentativa.

O espectáculo foi dirigido por Tiago Tavares.

No iniciou guardou-se um minuto de silencio em memória de Amadeu dos Santos, recentemente falecido.

De referir que a meio do espetáculo a arena foi invadida por um individuo, conhecido pelos seus actos anti-taurinos, que foi detido pela PSP.

Para ver

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*