Campo Pequeno vendido por 37 milhões. Álvaro Covões é o homem que se segue

É um tema que promete agitar o meio taurino nos próximos dias. Segundo o Jornal Económico, informou ontem, a assinatura do contrato de venda do Campo Pequeno foi assinado na passada quinta feira.

Segundo esta publicação, “a assinatura do contrato venda do Campo Pequeno por 37 milhões de euros, ao empresário Álvaro Covões e ao fundo Horizon Equity Partners, de António Pires de Lima e Sérgio Monteiro, realizou-se” na quinta-feira.

É ainda revelado de que “Álvaro Covões, que participa através de uma sociedade sua que não é a Everything is New, vai ficar a gerir a arena do Campo Pequeno (incluindo a realização de espectáculos) e o centro comercial. Já o fundo de António Pires de Lima e de Sérgio Monteiro, antigo secretário de Estado das Infraestruturas, Transportes e Comunicações de Pedro Passos Coelho, vai gerir o parque de estacionamento”.

Fica por saber, além da confirmação das partes envolvidas, se as corridas de touros manter-se-ão na primeira praça do país, se Rui Bento e Paula Mattamouros Resende se mantêm e se há número mínimo de corridas por temporada.