Em 2015 houve menos espetáculo, mas registou-se um aumento de público

Tal como aconteceu em 2014, a PróToiro divulgou as estatísticas da temporada taurina, agora relativas à temporada 2015, esta que segundo a Federação “saldou-se por um balanço bastante positivo.”

Segundo os dados agora divulgados a temporada 2015 “caracterizou-se por um aumento global de 1.8% de espectadores nas praças de touros do nosso país (462.000), tal como pelo aumento do número médio de espectadores nas corridas de toiros (2415). Realizaram-se 233 espetáculos, menos 17 que em 2014 (250). As corridas de toiros (161) aumentaram o seu peso representando 69% dos espetáculos tauromáquicos, mais 3% que em 2014.”

Sobre as transmissões televisivas, é referido que “as transmissões televisivas (7) continuaram a revelar um excelente desempenho com um acumulado de cerca de 3 milhões de telespectadores e picos de 700 mil espectadores por transmissão, num exemplo cabal de serviço público, chegando a liderar as audiências em vários momentos.”

Ainda sobre o número de espetáculos a PróToiro analisa por distrito, referindo que “realizaram-se espetáculos em todo o país com exceção dos distritos de Braga, Vila Real e região autónoma da Madeira. O distrito de Lisboa liderou em número de espetáculos (33), sendo Albufeira a cidade com mais espetáculos (23). A região dos Açores lidera a média de ocupação das praças em corridas de toiros (75%). A região Centro-Norte continua a liderar no continente (71%).

Na elaboração deste resumo estatístico foram usados como fontes os dados da Associação Nacional de Toureiros (ANDT) e a Associação Portuguesa de Criadores de Toiros de Lide (APCTL), sendo cruzados entre si. Obtemos assim resultados rigorosos e que espelham a totalidade da atividade do setor cultural taurino, pois os dados compilados pela Inspeção Geral das Atividades Cultural (IGAC) não retratam toda a realidade taurina portuguesa.

{gallery}galerias/estatisticas2015{/gallery}

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*