Forcado de Cuba continua hospitalizado em estado grave

Contínua em estado grave o forcado Pedro Primo, do Grupo de Forcados Amadores de Cuba, que está hospitalizado no hospital de Beja, desde o passado dia 2 de setembro, depois de ter sido violentamente colhido quando tentava pegar o segundo touro da corrida.

Pedro Primo contínua em estado muito grave, com extensa lesão hepática e sem estabilidade hemodinâmica que permita a transferência para São José, em Lisboa.

O forcado dos Amadores de Cuba, luta assim pela vida com a ajuda das equipas de saude no Hospital de Beja.

Recordamos que o exemplar da ganadaria do Engº. Jorge Carvalho recolheu “vivo” aos currais, passados mais de 20 de minutos de tentativas de pega. Pedro Primo foi o escolhido pelo cabo para tentar aquela que seria a pega da sua despedida, após 14 anos de carreira. Brindou aos colegas de grupo e na terceira tentativa foi levado para o hospital, onde agora trava uma dura batalha, em situação preocupante.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*