A Arena D’Évora receberá este domingo, 19 de Maio, o tradicional concurso de ganadarias.

Lidam-se touros de Veiga Teixeira, Branco Núncio, Pinto Barreiros, Fernandes de Castro, Murteira Grave e Passanha, numa tarde em que actuarão os cavaleiros António Telles, Rui Salvador e Luis Rouxinol. As pegas estarão a cargo dos Amadores de Montemor e Évora.

O Toureio.pt irá acompanhar esta corrida de touros Minuto-a-Minuto:

 

 

 

A Praça de Touros do Campo Pequeno recebeu esta semana dois espetáculos tauromáquicos, um na quinta-feira e outro no sábado, ambos resultaram bastante agradáveis.

O Toureio.pt falou com o Director das Actividades tauromáquicas do Campo Pequeno, Rui Bento Vasques, que fez o balanço desta semana tauromáquica na Monumental Lisboeta, começando por dizer que “foi uma forma de comemorarmos a reinauguração do Campo Pequeno em grande, como foi a corrida de quinta-feira com a enchente de público, com um cartel de três figuras e em que cada uma ao seu estilo esteve ao seu melhor nível, com essa explosão definitiva de João Moura Jr., a pôr-se no patamar de figurão do toureio a cavalo, como foi o seu pai, e sobretudo com essa capacidade de surpreender, criar e fazer o que acabou por fazer no último touro da noite”, acrescentando que “acho que devemos felicitar o ganadeiro Francisco Romão Tenório, acho que o Luís Rouxinol demonstrou a figura que é com um tipo de touro que ele normalmente não toureia, mas a demonstrar como tem as suas montadas e a templar como que mais templam, o Pablo Hermoso de Mendoza que é um génio do toureio a cavalo, sobretudo a forma como se apresenta e aparece com os cavalos e a forma como faz vibrar o público de Lisboa que se entrega de forma fantástica. O João Moura Jr, obviamente que sou o apoderado dele, mas já afirmava que era o primeiro da geração dele com diferença, neste momento colocou-se num patamar imparável. Oxalá seja apenas um presságio do que vai ser a temporada, porque da forma que ele esteve aqui, os aficionados vão segui-lo e vamos ter uma temporada de grandes surpresas. Os grupos de forcados também estiveram muito bem.”

Já sobre a novilhada de sábado, Rui Bento afirma “que cuidámos ao máximo, nós, os ganadeiros, porque como sabe são os ganadeiros que nos oferecem os novilhos para que esta novilhada seja o mais viável possível, e a verdade é que mandaram para cá, estamos no quinto novilho, os cinco investiram muito bem. Vimos a Mara num patamar muito bom, a Soraia a demonstrar tudo o que tem demonstrado até agora e que é uma toureira que se vai ter de contar para níveis superiores, o Brito Paes a marcar uma posição muito importante. Com três novilhos de Romão Tenório, Passanha e António Silva fantásticos. Os forcados de Alter a demonstrar porque têm de vir ao Campo Pequeno. E agora dois novilhos de Joaquim Grave e Varela Crujo sensacionais. O do Grave com muita suavidade par fazer o toureio templado e a gostar-se, e este com uma raça, uma bavura, uma codícia e nobreza fantásticas.”

“Acho que estamos a viver um grande espectáculo e com uma moldura humana muito importante”, concluiu Rui Bento, dizendo ainda que “Nós temíamos porque sabíamos que o campeonato estava ao rubro, terminava hoje e todas as atenções estavam centradas no Estádio da Luz e do Dragão, e sobretudo os festejos em Lisboa e o Benfica ser campeão, obviamente que nos retirou bastante gente mas temos aqui uma excelente entrada para a novilhada e sobretudo um público fantástico que veio para se divertir e apoiar os toureiros.”

 

A localidade espanhola de Talavera de la Reina (Toledo) recebeu este sábado, 18 de maio, uma corrida de rejoneo.

Lidaram-se touros de Angel Sánchez e Sánchez, que permitiram a Sérgio Galán, silencio e duas orelhas, a Diego Ventura, duas orelhas e duas orelhas e rabo e a Leonardo Hernandez, duas orelhas e orelha.

A Praça de Touros do Campo Pequeno recebe este sábado, 18 de maio, um espetáculo de promoção aos jovens.

São lidados seis preciosos novilhos das ganadarias Passanha, Romão Tenório, António Brito Paes, Murteira Grave, Varela Crujo e Calejo Pires. As lides a cavalo estão a cargo de Mara Pimenta, Soraia Costa e Joaquim Brito Paes (cavaleiros praticantes) e, as lides a pé estão a cargo de Leonardo Passareira, Filipe Martinho e o amador Duarte Silva. As pegas são da responsabilidade do grupo de Alter do Chão, capitaneados por Elias Santos.

O Toureio.pt vai acompanhar este festejo Minuto-a-Minuto, acompanhe em baixo:

 

 

 

Entre os dias 25 de Maio e 2 de Junho, a Chamusca receberá uma das mais tradicionais feiras do país, a Feira da Ascensão.

Com um eclético programa, este certame contará com vários espetáculos musicais e um conjunto de actividades relacionadas com a cultura Ribatejana. Destaque para a cultura taurina que também marcará presença com as entradas de toiros, largadas e claro as tradicionais corridas de toiros, a 30 de Maio, quinta-feira de Ascensão e 1 de Junho.

Conheça aqui todo o programa desta Feira da Asceção 2019, bem como toda a sua história!

O jovem matador de touros português Joaquim Ribeiro “Cuqui” continua no México, sendo que desta vez tentou na Ganadería Cláudio Huerta, situada em Aguascalientes, cidade onde viveu dois anos.

A Família Huerta de Aguascalientes apoia o Matador Cuqui desde a sua chegada ao México em 2011, proporcionando o debute com ao Toureiro Português no dia 3 de Abril de 2012 em Aguascalientes, na Praça de Toiros San Marcos.

Entre os dias 24 e 26 de Maio, a localidade de Cabeço de Vide, no concelho de Fronteira, receberá a X Edição do Fim-de-Semana Taurino.

O certame contará com várias actividades, tal como demonstra o cartaz seguinte.

A Arena D’Évora receberá este domingo, 19 de Maio, o tradicional concurso de ganadarias.

Lidar-se-ão touros de Veiga Teixeira, Branco Núncio, Pinto Barreiros, Fernandes de Castro, Murteira Grave e Passanha, numa tarde em que actuarão os cavaleiros António Telles, Rui Salvador e Luis Rouxinol. As pegas estarão a cargo dos Amadores de Montemor e Évora.

Fique de seguida com as imagens dos touros a lidar:

Pág. 1 de 241

chamusca_30maio19
chamusca_1junho19
Go to top