Salvaterra: Praça cheia de afición e de mansidão….

A Praça de Touros de Salvaterra de Magos, em pleno Ribatejo, acolheu esta sexta-feira, 27 e Julho, uma corrida de touros com Ana Batista, Diego Ventura e João Telles Jr. frente a touros Canas Vigouroux. Pegaram os Amadores de Montemor e Alcochete.

Uma noite de grande expetativa, tendo os aficionados lotado este tauródromo.

Ana Batista teve uma boa lide a abrir a noite, bem ao seu estilo, perante o touro mais leve da corrida, que deu boa resposta à expectativa criada. Boa pega à primeira tentativa dos forcados de Montemor, por Vasco Ponce.

O rejoneador Diego Ventura fez o possível e mesmo assim não está ao alcance de todos, perante um touro super manso, muito desatento e fechado em tábuas. Pega dos Amadores de Alcochete, dura, à segunda tentativa, evitando-se na primeira tentativa uma grave colhida por uma má investida do touro. Pegou Pedro Gil.

João Telles Jr, teve por diante o segundo jabonero, que não reagia a qualquer investida do cavaleiro e do cavalo, parado no meio da arena. João fez o possível perante a mansidão que tinha. Pegou Bernardo Dentinho, por Montemor, à primeira tentativa.

Ana Batista perante o quarto touro da corrida, bem melhor que os anteriores, com investidas fortes e a permitir lide agradável à cavaleira da Terra, estando um pouco desacertada na cravagem dos ferros. Pegou João Machacaz à segunda tentativa, dobrando Diogo Timóteo. 

Diego Ventura teve por diante, no quinto, um bom toiro e o mais pesado da corrida, a permitir demonstrar o bom momento que atravessa, permitindo finalizar com dois pares de bandarilhas com o Dólar, e levar ao rubro, o público de Salvaterra. Pegou à segunda, António Calça e Pina do grupo de Montemor

João Telles Jr teve por diante uma lide regular de com nível, perante um touro que tornou a lide quase impossível. Pegou a quarta tentativa, e a sesgo, João Guerreiro, o possível perante a força e mansidão do touro.

Assim foi uma noite onde se esperava muito, mas resultou pouco... muito por culpa dos touros Canas Vigouroux.

O espetáculo foi dirigido por Lourenço Luzio, numa noite em que se prestou homenagem póstuma ao jovem cavaleiro Manuel Vinagre, que faleceu recentemente.

Go to top