Rafael Vilhais fala sobre a Feira da Moita e adianta que haverá uma alternativa (c/som)

A Feira da Moita 2018 começa cada vez mais a ser conhecida na sua totalidade, em termos de cartéis, sendo que o Toureio.pt pode avançar em primeira mão que irá acontecer uma prova de alternativa neste importante certame.

Em declarações ao Toureio.pt o empresário Rafael Vilhais começou por falar que “o cartel das Caldas vai à Moita com uma corrida de Passanha, com um acréscimo que o Francisco Palha está na América, eu queria que ele toureasse na Feira da Moita, incluindo esse cartel, ou seja, os cinco toureiros e o António Telles Filho, nomeadamente os dois Telles, os dois Rouxinois e os dois Mouras”.

Já sobre a corrida mista Vilhais adiantou que “é uma corrida de Falé Filipe, toureia por diante o cavaleiro profissional Vítor Ribeiro e os matadores serão Manuel Escribano e o Nuno Casquinha, os dois praticam o tércio de bandarilhas”.

Já sobre sexta-feira, o gestor da praça da Moita diz que pegarão “os Amadores de Alcochete e os Amadores de Évora, pois foram os forcados que pegaram a corrida do ano passado em que infelizmente aconteceu o acidente em que faleceu o forcado Fernando Quintela, que vai ser homenageado e vai haver uma alternativa da cavaleira Verónica Cabaço, que é uma toureira da minha terra”.

 

Alter 24 de agosto19
Go to top