"O maestro Moura tem um cunho e representa para a Tauromaquia e para a sociedade Portuguesa, como foi Eusébio no Futebol”, afirma Rui Bento Vasques (c/som)

O Campo Pequeno recebeu esta quinta-feira, 7 de junho, uma corrida de comemoração dos 40 anos de alternativa de João Moura.

Uma noite de emoções e que contou com uma boa entrada de público deixando visivelmente satisfeito o Diretor das Actividades Tauromáquicas do Campo Pequeno, Rui Bento Vasques, que em declarações ao Toureio.pt afirmou que “o maestro Moura tem um cunho e representa para a Tauromaquia e para a sociedade Portuguesa, como foi Eusébio no Futebol, como foi Amália no Fado, como foi o Carlos Lopes no Atletismo e eu penso que hoje aqui estão aqueles Mouristas e aqueles que sem serem Mouristas são sobretudo patriotas e estamos a homenagear uma figura incontornável mundial do toureio”.

Rui Bento acrescentou ainda que “nós temos a satisfação de ter aqui a comemoração dos 40 anos de alternativa, mas sobretudo o desejo de que ele possa desfrutar e faça desfrutar todos os aficionados, os seus alterantes que estão a um nível competitivo como ele gosta”.

Bento concluiu ainda que “é a melhor forma de homenagear o maestro João Moura é de facto um espetáculo com a casa composta”.

 

Go to top