Quais as verdadeiras e inovadoras vantagens do cartão Aficionado? Não existem

Quais as verdadeiras e inovadoras vantagens do cartão Aficionado? Não existem Foto: @Touradas

Estamos prestes a chegar ao fim desta temporada tauromáquica e há valores que se perderam e outros que não sabemos onde param.

Uma das grandes novidades deste ano foi o Cartão Aficionado. Uma ideia boa mas mal executada. Primeiro deveria ter sido criada uma rede de parceiros e divulgada aquando do lançamento. Depois deveria ser realmente vantajoso para empresários e aficionados. Ora nem para uns nem para outros.

Os aficionados apenas ganham 10% de desconto imediato na compra de bilhetes e a cada 200 euros gastos, acumulam 10 em cartão. Quem é Aficionado, é por paixão e não por descontos de 10% ou acumulação de 10 euros. Mas quem não for Aficionado também não adere a esta iniciativa porque não há vantagens que tornem o cartão apelativo.

Ou seja devemos trazer mais público. Pessoas que não conheçam a tauromaquia e tenham interesse em tal, nem que seja porque existe um cartão que permite ter vários descontos numa rede interessante de parceiros. Tudo isto ligado ou apoiando a cultura tauromáquica.

Fazer adesões à frente das bilheteiras aderentes e prometendo "pode já comprar bilhetes com desconto" prejudica o empresário, que por sua vez pagou para que os aficionados pudessem usar o cartão. Ou seja, investiu dinheiro e ainda perde os 10% dos aderentes imediatos em frente da sua bilheteira. A sério que isto é pensar a tauromaquia de forma global?

Antes de chamarmos "cérebro" a alguém e oferecer alvíssaras a quem o bajule, deveríamos analisar se o dito cérebro funciona na totalidade ou apenas em modo interruptor, cuja claridade apenas sobre ele está.

E não. Não batemos no ceguinho. Estamos a alertar que está questão do cartão tem muito que melhorar. Caso contrário será apenas uma moda. E as modas são passageiras e não ficam nem criam história.

Go to top