Israel Lancho primeira porta grande Badajoz

Israel Lancho cumpriu o desafio proposto na primeira corrida da abertura da Feira de São João de Badajoz, onde cortou uma orelha em cada um dos seus toiros e saiu pela porta grande, tragando assim caminho para alcançar triunfo gordo nesta difícil arte. Recebeu o primeiro á porta-gaiola demonstrando logo por si as ganas que vinha; séries de derechazos predominaram na faena, terminando com uma série de manoletinas ajustadas que resultaram em voltereta sem consequências; recebeu novamente o seu segundo á porta-gaiola com uma larga afarolada de joelhos com o toiro a colhe-lo de forma espectacular ficando á mercê deste, salvo oportunamente pelos bandarilheiros; uma faena de guerreiro para conquistar a orelha necessária para abrir a primeira porta grande da feira.
Ambel Posada não teve nem a sorte, nem mais uma série de coisas do seu lado…o primeiro toiro apresentava comportamentos relacionados com a falta de visão, sem se acomodar Ambel nada mais fez que abreviar e rematar faena, silêncio. Lidou o seu segundo com dificuldades aparentes; faltou oficio para um toiro que o pedia; podemos dizer que este jovem toureiro da dinastia Posada saiu em branco desta rara oportunidade.
Julio Parejo mostrou também no seu primeiro a falta de rodagem, inerente no caso aos três actuantes da tarde; em que juntos, na temporada passada não completaram em corridas os dedos de uma mão. Principalmente Parejo que encontrou as maiores dificuldades na hora de entrar a matar; uma faena despegada de brilho no seu primeiro em que a falta de argumentos foi aflitiva, silencio. Andou um pouco mais toureiro no seu segundo, mas sempre aliviado e deixando passes soltos; matou á primeira e talvez por ter sido a única da tarde com eficiência e rapidez o público, ou melhor: uma pequena parte dele resolve por caridade pedir a orelha.
Lidaram-se toiros de Martin Lorca e Escribano Martin de jogo desigual e regular apresentação, sendo o lidado em último lugar o que mais cara apresentava. Um quarto de casa, para apoiar os toureiros menos rodados do vasto leque de artistas Extremenhos 
 

Para ver

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*