“Perdeu-se o maior empresário tauromáquico da atualidade”, diz Presidente da Associação Nacional de Empresários Tauromáquicos

Foi através de um comunicado enviado às Redações, que Paulo Pessoa de Carvalho, Presidente da Direção da Associação Portuguesa de Empresários Tauromáquicos, mostrou a sua consternação à trágica morte do empresário António Manuel Cardoso “Nené”.

No comunicado pode ler-se, “perdeu-se o maior empresário tauromáquico da atualidade! Não quero ser injusto ou egoísta a falar desta tragédia, não faço aqui uma memória (e são tantas!) pessoal do que foi, de quem é, da importância do “Néné”, falo de uma forma institucional e incontornável para a nossa festa de toiros, que sofreu ontem a sua maior perca dos últimos tempos.”

Pessoa de Carvalho acrescenta ainda que, “a APET que presido, está de tal forma transtornada e comovida que não há dúvida de que a tragédia que aconteceu a ninguém pode deixar indiferente, os telefonemas que recebi, as pessoas que lamentam e estão tristes com o que aconteceu, as quezílias que se esquecem e a saudade que já nos abarcou, demonstram a dimensão do Homem, da pessoa, que é o Néné! Não quero aqui falar em nomes para não me esquecer de ninguém, mas neste momento, a APET em total união, manifesta o seu pesar e tristeza pela enorme e trágica desgraça que nos bateu à porta.”

Em nome da APET deixa ainda a mensagem: “A toda a família, à Paula sua mulher aos seus filhos Margarida e António em primeira instância, ao grupo de Forcados Amadores de Alcochete, aos todos os seus muitos Amigos, a todos nós, a APET em nome de todos os seus associados sem exceção, quer deixar aqui um abraço gigante e toda a solidariedade possível!”

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*