Tauromaquia na China inserida em mega projeto turistico

Foto: João Dinis

Foto: João Dinis

Foi apresentado esta quinta-feira, 1 de fevereiro, o projeto do empreendimento turístico na cidade de Guizhou, na China, que congrega uma multicultural ao nível mundial.

O projeto apresentado pelo cavaleiro tauromáquico Marco José e pelos representantes do New Português Guizhou Pecuária, Joaquim Rodrigues, Wang e Yang, revela uma simbiose entre a modernidade, arrojado na estétiva e construção, dando uma peculiaridade na representação de cada uma das nações eleitas para estar presente naquele espaço que se estenderá ao longo de vários hectares.

Na parte arquitetada para o espaço dedicado a Portugal, conta com um tauródromo amplo, com uma arena de 32m de diâmetro, curros espaçosos, cocheiras amplas, enfermaria devidamente apetrechada e bancadas com capacidade para 3500 lugares sentados.

Assim, a Tauromaquia irá usufruir de um tauródromo com características similares às que existem nos países onde a festa tem um carácter bastante enraizado.

O projeto no âmbito tauromáquico terá o seu inicio em fins de maio, demonstrações de toureio e não corridas de touros, uma vez que se aguarda uma qualidade melhor na investida dos touros, o que ocorrerá em breve.

O cavaleiro Marco José é o único responsável pela direção artística de todo o projeto, e está neste momento a intensificar contactos para a aquisição de toiros e a melhoria de cavalos.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*