Sábado, Julho 13, 2024
Publicidade
InícioNotíciasUNESCO: Classificação de ritual com cavalos no Cazaquistão abre a porta para...

UNESCO: Classificação de ritual com cavalos no Cazaquistão abre a porta para classificação da Tauromaquia

Foto: UNESCO

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) inscreveu esta quinta-feira os rituais festivos da primavera dos criadores de cavalos do Cazaquistão como Património Cultural Imaterial da Humanidade.

A UNESCO refere que “os tradicionais rituais festivos da primavera dos criadores de cavalos do Cazaquistão – que ocorrem na Terisakkan Village, Ulytau, em Karaganda Oblast – marcam o fim do antigo e o início do novo ciclo anual de criação de cavalos”.

Estes rituais estão “enraizados no conhecimento tradicional sobre a natureza e as antigas relações entre homem e cavalo, os ritos envolvem habilidades herdadas de nómadas ancestrais, adaptados à realidade actual”.

A UNESCO acrescenta ainda que este evento é “precedido por preparações de um ano, os principais constituintes da prática são: 'Biye baylau' , o antigo rito de 'primeira ordenha' englobando a separação de éguas e potros dos rebanhos, ordenhando as éguas, e celebrando com músicas, danças e jogos; ‘Ayghyr kosu’ (figurativamente, o ‘casamento do garanhão’), um rito recente para garanhões adjacentes em rebanhos; e "Kymyz muryndyk" (metaforicamente, a "iniciação de koumiss"), o rito da "primeira partilha de koumiss", abrindo a temporada da sua produção e partilha”.

“Os rituais abrem um novo ciclo anual de reprodução e manifestam a tradicional hospitalidade cazaque. Diante da transição forçada no século XX, de um modo de vida nómada para um estabelecido, os portadores adaptaram a forma tradicional de criação de cavalos para atender às condições actuais para garantir sua viabilidade continuada”.

Poderá esta ser uma porta de abertura a aproveitar pelos agentes da tauromaquia, tendo em conta a dimensão histórica da arte tauromáquica e Portugal e que agrega em si a componente da criação e reprodução animal, a vertente artística e ainda a sua importância histórica?

Publicidade
Publicidade

Últimas